20 de Maio, 2016

Há beleza na simplicidade por Mendi Robinson

Na mídia exterior (OOH), temos sorte. Já temos um público cativo, mas como criativos ainda é o nosso trabalho chamar a atenção da audiência. Temos ainda que fazê-los olhar para nossas peças. Penso que podemos alcançar isto sendo realmente simples ou fazendo os anúncios verdadeiramente se destacarem.

Simplicidade

Quacker

Quaker

Há beleza na simplicidade. Eu adoro o espaço negativo, e quisera eu poder ver mais disso. Os tempos mudaram desde quando entrei na indústria OOH há 19 anos. Durante anos, o nosso desafio tem sido sempre o de ajudar o cliente e estreitar elementos criativos e de os ajudar a alcançar os seus objetivos. Honestamente, não deveríamos ter de o fazer. No mundo de hoje, qualquer pessoa pode localizar um site, número de telefone ou endereço em poucos segundos.

Barstools

Barstools

As marcas nos exemplos mostrados conseguiram isto. Elas escolheram utilizar-se do melhor meio visual lá fora juntamente com imagens simples para evocar um sentimento, memória, desejo ou necessidade. A beleza do espaço negativo é que obriga os seus olhos se dirigirem para ler o que está lá. No anúncio da Quaker, todos nós lemos imediatamente a mesma coisa: três palavras. A força do espaço negativo força os olhos para ler a única coisa lá. Isso é inteligente e eficaz uso da OOH.

Isto não funciona só para as marcas nacionais, funciona também para marcas locais como. Este anúncio da  barstools. É uma forma eficaz para direcionar o tráfego para um site da web. O olhar é naturalmente atraído para o anúncio devido à simples “batida de olhos” e é então instintivamente direcionado para o texto.

 Podemos fazer coisas em OOH, criativamente, que outros meios não podem. Apliques, máquinas de fumaça, envelopamento, aperfeiçoamentos de 3D, pessoas reais em placas. Todas estas são coisas que outros meios não pode fisicamente fazer. Nenhuma outra mídia impressa pode ir além do perímetro da tela levando uma mensagem. Nós podemos.

Noite do terror

Noite do terror

Outra coisa que OOH pode fazer de forma criativa, que outros meios de comunicação não faz é o uso do seu ambiente. Poderia ser a área ao redor da base de um outdoor ou os elementos de um ônibus. Lanternas nos olhos acendem quando o motorista freia. Quando o conceito criativo e espaço vêm juntos… é o casamento perfeito. Eu não consigo pensar em outro meio com esse tipo de potencial criativo.

Matéria por: Mendi Robinson | Creative Director (Diretora de Criação) | Lamar Advertising Company
Tradução: Wilson Nogueira | Sepex SP

Voltar